Exclusivo

A viagem sem fim de Fausto Bordalo Dias prossegue no Porto

A viagem sem fim de Fausto Bordalo Dias prossegue no Porto

Cantautor apresenta esta sexta-feira e sábado numa Casa da Música lotada o espetáculo "Atrás dos tempos vêm tempos", que visita canções de uma dezena de álbuns.

Pela raridade da ocasião, mas também pelo privilégio de escutarmos músicas que atravessam gerações, cada novo concerto de Fausto Bordalo Dias traz consigo a marca de acontecimento. Sabem-no também aqueles que assistem aos seus espetáculos esporádicos, cientes de que há sempre a hipótese de uma irrepetibilidade nas suas aparições públicas.

A rapidez com que esgotou a lotação da Casa da Música, obrigando à marcação de uma data suplementar, é a enésima prova da devoção muito particular que a obra do autor do eterno "Por este rio acima" continua a merecer junto de um público alargado, pese embora o divórcio frequente com os palcos ou a irregularidade na edição (o último disco data de 2011). O reconhecimento suscitado pela sua obra é extensivo à comunidade artística, com a curiosidade de muitos desses admiradores não serem sequer nascidos quando Fausto iniciou a carreira, já lá vão mais de 50 anos. De Luísa Sobral a Pedro Mafama, passando por Paulo Praça, há a convicção de que, pela incorporação do rico património musical português na sua sonoridade, mas também pelo desvelo com que sempre trabalhou a palavra, Fausto pertence à estirpe dos cantautores imprescindíveis.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG