Futebol

Detidas 10 pessoas pelos confrontos num jogo no México

Detidas 10 pessoas pelos confrontos num jogo no México

Os detidos são suspeitos de "incitação à violência, tentativa de homicídio, e violência em recintos desportivos", e foram identificados através das imagens divulgadas pelos media e nas redes sociais.

A procuradoria mexicana anunciou, esta terça-feira, a detenção de 10 homens no âmbito da investigação aos incidentes ocorridos no sábado, durante o Querétaro-Atlas, encontro da principal liga de futebol do país, que causaram, pelo menos, 16 feridos, alguns em estado grave.

Os detidos são todos homens e são suspeitos de "incitação à violência, tentativa de homicídio, e violência em recintos desportivos", depois de terem sido identificados através das imagens divulgadas pelos media e nas redes sociais. Vão agora ser presentes a tribunal, a quem compete decidir a aplicação das medidas de coação.

Os confrontos nas bancadas começaram aos 63 minutos de uma partida entre o Querétaro e o Atlas de Guadalajara, numa altura em que a equipa da casa vencia por 1-0. Os seguranças permitiram que o público se refugiasse no relvado, levando a que os jogadores voltassem aos balneários e obrigando à interrupção da partida.

Na sequência dos incidentes, a liga suspendeu os três encontros marcados para domingo, e garantiu que "os responsáveis pela falta de medidas de segurança no estádio serão punidos de forma exemplar".

Mais Notícias (desktop)

Outros Conteúdos GMG