Exclusivo

A Liga de futebol também está cheia de maratonistas

A Liga de futebol também está cheia de maratonistas

Muitos jogadores escapam às lesões e ainda não falharam um jogo nesta época. Em alguns casos, a sequência sem interrupções vem desde 2019/20

A temporada caminha para a reta final e está recheada de exemplos de que o trabalho de um jogador não se limita apenas ao processo de treino, mas também ao comportamento evidenciado fora do relvado. O calendário tem sido apertado, o risco de lesões aumenta, os treinadores queixam-se e a rotatividade é a solução para diminuir a carga aos futebolistas.

As lesões são os "acidentes" mais naturais para quem vive do desporto e ninguém está livre desse calvário mas, num ano em que a bola se farta de rolar, há quem tenha tido a "sorte" de não ter falhado um jogo na Liga por problemas físicos. Se excluirmos os guarda-redes, em que o desgaste físico é menor, Coates é o totalista: o central do Sporting não falhou qualquer minuto, tem sido decisivo e a sequência já vem da época anterior, contando com 33 jogos disputados consecutivamente. O calendário dos leões tem sido mais leve, sim, mas o que dizer de Ricardo Esgaio, lateral do Braga, que mesmo com uma grande sobrecarga competitiva europeia falhou apenas nove minutos?

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG