Pacífico

Levantado alerta de tsunami para a Nova Caledónia após sismo

Levantado alerta de tsunami para a Nova Caledónia após sismo

O Serviço de Alerta de Tsunami do Pacífico levantou o alerta que tinha emitido para a Nova Caledónia e outros países banhados pelo Pacífico por causa do sismo de magnitude 6,8 que abalou as águas das Ilhas Lealdade.

Na terceira atualização da informação, aquele serviço indicou que "a ameaça de tsunami já passou", depois de ter emitido um alerta que esteve ativo por pouco mais de uma hora e que também abrangia as costas das ilhas Fiji e Vanuatu.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), que monitoriza a atividade sísmica global, situou o hipocentro a 10 quilómetros de profundidade, no mar.

Segundo o USGS, o terremoto localizou-se cerca de 279 quilómetros a leste de Tadine, na Nova Caledónia, e a 353 quilómetros a sudeste de Isangel, em Vanuatu.

Este abalo foi precedido por outros seis sismos que ocorreram desde as primeiras horas do dia, incluindo um de magnitude 6,9, segundo registos do USGS.

A Nova Caledônia está localizada perto do chamado Anel de Fogo do Pacífico e dos vulcões submarinos da Bacia de Lau, razão pela qual sofre regularmente crises sísmicas.

Mais Notícias (desktop)

Outros Conteúdos GMG