Exclusivo

Trio de ases da formação valorizou quase 70 milhões de euros numa época

Trio de ases da formação valorizou quase 70 milhões de euros numa época

A conquista do título lançou a festa da nação portista, que promete continuar no próximo fim de semana e daqui a 15 dias, caso a equipa de Sérgio Conceição também vença a Taça de Portugal, mas o troféu de campeão não significa, apenas, um currículo ainda mais recheado para o clube.

As vitórias são essenciais para valorizar ativos e, no caso dos dragões, há três nomes que poderão vir a agitar o próximo mercado de transferências. Os agentes FIFA Artur Fernandes e Nuno Correia fizeram, ao JN, as contas à evolução dos passes de Diogo Costa, Vitinha e Fábio Vieira ao longo de 2021/22.

"Os títulos são muito importantes na valorização dos atletas. Quanto maior for o currículo, melhor. Mas atenção que não é só por serem campeões. Tem de se ver o número de jogos que fizeram, golos, assistências e defesas. Um jogador que jogue um minuto num campeonato não se valoriza. É isso que faz a principal diferença na altura de uma possível venda", afirma Artur Fernandes, presidente da Associação Nacional de Agentes de Futebol.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG