Fogo

Mulher com queimaduras e intoxicação em incêndio numa habitação em Évora

Mulher com queimaduras e intoxicação em incêndio numa habitação em Évora

Uma mulher sofreu ferimentos considerados graves, devido a queimaduras e inalação de fumos, na sequência de um incêndio ocorrido hoje numa habitação em Évora, revelaram à agência Lusa fontes da Proteção Civil e dos bombeiros.

O incêndio, para o qual foi dado o alerta às 08:03, ocorreu numa habitação localizada no primeiro andar de um edifício, num bairro na periferia da cidade, indicou o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora.

Contactado pela Lusa, o comandante dos Bombeiros de Évora, Rogério Santos, precisou que a mulher ferida com gravidade sofreu "queimaduras de 1.º grau nas mãos" e intoxicação devido à inalação de fumo.

A vítima, cuja idade as fontes não souberam precisar, foi transportada pelos bombeiros para as urgências do Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE).

Devido ao fogo, a sala e o recheio desta divisão "arderam por completo" e a casa ficou sem condições de habitabilidade, pelo que as duas moradoras vão ser realojadas num outro local, indicou o CDOS.

O incêndio foi considerado dominado às 08:35 e as operações de rescaldo ficaram concluídas às 09:11, acrescentou.

Quanto à origem do incêndio, o comandante da corporação alentejana limitou-se adiantar que na sala existia uma lareira acesa.

PUB

As operações de socorro mobilizaram os Bombeiros de Évora e a PSP, com um total de 12 operacionais, apoiados por seis veículos.

Mais Notícias (desktop)

Outros Conteúdos GMG