Transportes

Metro e Carris criam novo passe e carreira dedicada à Web Summit

Metro e Carris criam novo passe e carreira dedicada à Web Summit

A Carris e o Metropolitano de Lisboa vão disponibilizar um passe Web Summit, de um, três ou cinco dias, e uma carreira dedicada ao evento, que decorre entre 1 e 4 de novembro, no Parque das Nações, em Lisboa.

Consoante a escolha do participante, os passes Web Summit podem ser de um dia, três dias ou de cinco dias, com o custo de 9,5 euros, 18,50 euros ou 25 euros, respetivamente, e vão abranger as zonas de Lisboa, Sintra e Cascais.

O passe permite viagens nos transportes públicos de Lisboa, incluindo autocarros, ascensores, comboios, elétricos, elevador e metro.

Já a carreira dedicada ao evento - Huttle Web Summit - vai fazer o percurso entre a Praça de Comércio (Cruzamento Rua da Prata com Rua da Alfândega) e a Estação do Oriente (Av. D. João II), com um intervalo médio de 22,5 minutos.

A primeira viagem da Praça do Comércio arranca às 8 horas e a última às 20 horas, enquanto a primeira e última viagem da Estação do Oriente está agendada para as 8.45 horas e as 20.45 horas, respetivamente.

Os títulos válidos para a carreira são a tarifa de bordo, o passe de transporte Web Summit, os títulos ocasionais e os passes válidos na rede Carris (exceto passe Carreiras de Bairro).

Fundada em 2010 por Paddy Cosgrave, Daire Hickey e David Kelly, a Web Summit é considerado um dos maiores eventos de tecnologia, inovação e empreendedorismo do mundo e evoluiu em menos de seis anos de uma equipa de apenas três pessoas para uma empresa com mais de 150 colaboradores.

PUB

A cimeira tecnológica, que nasceu em 2010 na Irlanda, passou a realizar-se em Lisboa em 2016 e vai manter-se na capital portuguesa até 2028.

Há um mês, o presidente executivo da Web Summit, Paddy Cosgrave, disse esperar cerca de 40 mil participantes na edição deste ano da cimeira tecnológica, salientando que, no início, a organização indicava que o número de participantes seria de 10 mil.

A edição 2021 da cimeira tecnológica, que este ano volta a ser presencial, decorre entre 1 e 4 de novembro.

A comediante Amy Poehler, o presidente da Microsoft, Brad Smith, a comissária europeia Margrethe Vestager e o jogador de futebol Gerard Pique irão juntar-se aos mais de 1000 oradores, às cerca de 1250 'startups', 1500 jornalistas e mais de 700 investidores, numa cimeira na qual serão discutidos temas como tecnologia e sociedade, entre outros, de acordo com a organização.

Entre os vários oradores está o responsável pela Alexa da Amazon, Tom Taylor, o jogador de futebol espanhol e campeão mundial Iker Casillas, a portuguesa Daniela Braga, fundadora da 'DefinedCrowd', que foi convidada para integrar a 'task-force' da Administração de Joe Biden para a estratégia da inteligência artificial, e a presidente executiva da Ofcom, Melanie Dawes, entre outros.

Mais Notícias (desktop)

Outros Conteúdos GMG