Exclusivo

Cirurgia devolve qualidade de vida a doentes diabéticos

Cirurgia devolve qualidade de vida a doentes diabéticos

Gastroparesia provoca vómitos constantes. Hospital de S. João foi o primeiro no país a avançar com o procedimento.

Vómitos constantes e internamentos mensais. Durante pelo menos quatro anos, foi esta a realidade de Carla Ravasqueira, de 39 anos, que sofre de gastroparesia diabética. A doença compromete o normal funcionamento do sistema digestivo. Depois de ter recebido um estimulador gástrico, a vida de Carla "mudou muito, mas para melhor". A cirurgia realizou-se pela primeira vez em Portugal no Hospital de S. João, no Porto. A equipa já repetiu o procedimento noutra doente.

"Estava constantemente a vomitar e não conseguia parar. Mesmo não tendo nada no estômago, tinha sempre a sensação de querer vomitar. Deixei de ter vida própria, não podia fazer planos, e a família estava sempre preocupada", recordou Carla, acrescentando que "quando surgiu a oportunidade de fazer a operação", ficou ansiosa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG